Dicas para produzir um video institucional

videos-institucionais

Uma das melhores maneiras de contar a história de uma empresa é por meio de um vídeo institucional. Além de conhecer muito bem a empresa ou serviço é importante que a equipe que irá produzir o vídeo institucional esteja integrada com o planejamento estratégico da campanha. Veja a seguir algumas dicas interessantes!

1. Defina um objetivo
Quem assistirá ao seu vídeo? Que mensagem você deseja passar e o que quer que aconteça depois que seu vídeo for assistido? Quer que o cliente faça uma compra? Quer que ele responda a um email? Quer que ele feche um negócio? Essas perguntas são fundamentais para iniciar o projeto, afinal, elas definem a estratégia a ser tomada a partir daqui. E atenção, embora uma produtora com experiência possa dar boas dicas e sugestões neste momento, o cliente deve ficar atento para externalizar em profundidade o seu interesse, pois ele é quem possui esse domínio.

2. Definição de formato
Com o objetivo determinado é hora de definir o melhor formato para o vídeo. Utilização de locução, de apresentador, duração, tom, ritmo, entre outros, são fatores que definem o formato ideal para se chegar aos objetivos. Embora o cliente muitas vezes tenha suas preferências e vídeos que já tenha assistido, neste ponto é mais papel da produtora de vídeo sugerir as melhores opções. Em resumo, o cliente diz aonde ele quer chegar e a produtora mostra os possíveis caminhos. Isto não é uma regra, mas descreve a maioria dos casos.

3. Definição do roteiro
Nesta etapa a produtora apresenta o roteiro, que é um documento que conta exatamente o que vai acontecer no vídeo. Esse é o momento de reunir todas as informações coletadas anteriormente e associá-las com as referências escolhidas. Locução, imagens, letterings e animações devem ser indicados de modo que o leitor entenda como ficará o resultado final. Se quer saber mais sobre o roteiro para vídeo institucional, leia este artigo.

4. Chegou a hora de produzir!
Depois do roteiro aprovado, chegou a hora de botar a mão na massa e produzir! A etapa de produção abrange basicamente as gravações e tudo o que isso envolve, como escolha de locação, equipamentos, atores, equipe técnica necessária, e por aí vai. Nesta etapa também entram gravações com locutores ou apresentadores em estúdio, além de produção de animações 2D e 3D. Nos bastidores da produção, são inúmeros os papéis assumidos por vários profissionais para que diante das câmeras saia tudo perfeito. O diretor de vídeo neste momento tem papel de destaque, pois é o responsável por coordenar a equipe e garantir que saia tudo de acordo com o roteiro e dentro dos padrões de qualidade.

5. Produção da trilha sonora
Há quem diga que, no mínimo, mais da metade da emoção de um vídeo está na trilha sonora. É impossível fazer esta medição, mas todos os profissionais de vídeo concordam que a música e os barulhos falam fundo no emocional humano e são capazes de dar o tom a obras primas do cinema ou estragá-las. Para um vídeo institucional não é diferente. Por isso, nada de uma trilha qualquer para o seu vídeo. Trilha sonora é coisa séria e precisa ser feita por uma produtora de vídeos que entende do assunto.

6. Edição
Durante o processo de filmagem são gravadas diversas cenas, mas para a edição são selecionadas apenas as melhores. Aqui entra também o discernimento e a experiência do bom editor, que olha de um lado para o roteiro e os objetivos definidos no início do processo, e do outro para o material em mãos. A edição, processo final do vídeo, dá a cara, a versão final a todo esse trabalho.

São tantos os passos a serem seguidos que aconselhamos você a buscar ajuda de profissionais qualificados na hora de produzir o vídeo da sua empresa. O vídeo institucional precisa ter qualidade e passar a credibilidade da sua marca para quem estiver assistindo.

Conte com os profissionais especializados da Usina de Ideias para fazer do seu vídeo institucional um sucesso! 😉

Via Matilda Films

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>